13/10/11

SENAI-PI


Reunião estreita laços de parcerias entre instituições
Repesentantes da Justiça Federal, Estadual, igreja católica, FIEPI SESI e SENAI, entre outras instituições, estiveram reunidos, na última terça-feira (11), na Unidade Operacional Integrada “Jair Meneguelli” para reiterar a consolidação das parcerias, ampliá-las e traçar estratégias voltadas ao trabalho preventivo de combate ao consumo de drogas.


Na oportunidade, os participantes percorreram as dependências da Unidade e puderam conhecer de perto o funcionamento do Projeto Vira Vida. O projeto atende adolescentes e jovens na faixa etária entre 16 e 21 anos, que se encontram em situação de vulnerabilidade social. 

O juiz federal Carlos Augusto Pires Brandão, coordenador do CENAJUS - Centro Nacional de Cultura da Justiça, que desenvolve um projeto para ressocialização de presos e a capacitação dos mesmos, ficou encantado com a estrutura do local, elogiando a organização e a metodologia no atendimento dos alunos.  “São iniciativas como estas que temos de colocar em prática. Não devemos apenas esperar pelo Estado, temos que dar as mãos e juntos promover as ações”, ressaltou.

Para o Padre Domingos Barbosa Filho, diretor do Instituto Católico de Estudos Superiores do Piauí, que também participou da reunião a causa é nobre e justa. “Por isso Deus está contente e feliz. A igreja está aberta para vocês. Nossa missão é fazer o bem em prol das pessoas e das comunidades carentes”, pontificou.

Por sua vez, o Juiz da 6ª Vara de Família de Teresina, Paulo Roberto Barros, colocou-se a disposição como membro do judiciário e da maçonaria, afirmando que as instituições já ministram palestras sobre o tema e se dispõe a contribuir na formação de multiplicadores para realizarem palestras nas escolas.

“Existem inúmeros fatores considerados de risco para que um adolescente inicie o uso de drogas. A identificação destes fatores é de fundamental importância, a fim de que se possam realizar intervenções para inibir ou retardar o uso e abuso destas substâncias”, explicou o superintendente do SESI-PI, Ewerton Negri Pinheiro.

Segundo o superintendente, está em projeto a elaboração de uma cartilha explicativa sobre a questão. Nela vão estar presentes esclarecimentos sobre riscos causados pelas drogas, as causas e como combatê-las. A publicação funcionará como um guia de orientação para jovens, familiares e professores e demais interessados com o tema.

Monikarine

Nenhum comentário: